O comércio de mercadorias e
serviços é vasto e complexo, inúmeras empresas de características distintas são
classificadas como atacadistas e varejistas. Nos últimos anos houve grandes
transformações na gestão dessas empresas e novos formatos surgiram, trazendo
uma intensificação da competição entre as empresas.

Atacado e Varejo: entenda melhor

O comércio de mercadorias e serviços é vasto e complexo, inúmeras empresas de características distintas são classificadas como atacadistas e varejistas. Nos últimos anos houve grandes transformações na gestão dessas empresas e novos formatos surgiram, trazendo uma intensificação da competição entre as empresas.

As atividades de Varejo e de Atacado assumiram grande importância no cenário econômico brasileiro e mundial nas últimas décadas.

Diariamente milhares de pessoas visitam estabelecimentos comerciais por diversas motivações.

Pode-se afirmar, sem nenhum exagero, que as empresas comerciais, sejam elas no atacado ou no varejo, significam uma atividade importante para a economia local.

 

O que é um comercia varejista?

Explicando de uma forma bem simples, o comercio varejista tão comum no dia a dia das pessoas, é o comércio que vende diretamente para os consumidores finais.

 

O que é um comércio varejista?

Enquanto o comércio varejista revende os produtos para o consumidor final, os atacadistas compram os produtos em grandes quantidades e revendem para os varejistas.

O varejo é, seguramente, a mais antiga atividade econômica existente na humanidade e que ainda hoje atua com toda força melhorando assim o aumento da renda das pessoas.

Os formatos atacadistas e varejistas surgem das necessidades dos clientes e não da vontade dos empresários. Isso porque na compra de uma única peça de roupa, por exemplo, exige que a mesma seja vendida por uma loja menor especializada no ramo.

 

Atacados de “Atacarejo”

Um novo formato de atacado surgiu nos últimos anos, chamados por “atacarejo”, que são lojas de atacado aberta, não apenas para empresários, mas também ao público em geral.

Nesse caso a loja procura atrair pequenos comerciantes e também consumidores finais dispostos a comprar maiores quantidades, e procuram atrair os clientes mais sensíveis a preços baixos.

 

É importante saber vender

A primeira estratégia da empresa é de gerar no profissional de vendas. Algumas pessoas obtêm o Dom de vender, uns pela simpatia outros pela seriedade nas negociações, porem alguns não os possui por dom, mas sim por treinamentos ou conhecimentos teóricos ou práticos, aprimorando suas habilidades e fazer cada pessoa um verdadeiro profissional na área comercial, para uma empresa nivelar sua equipe de vendedores em qualidade de atendimento e negociações com os consumidores então é preciso prepará-los em um mesmo treino de capacidade e motivação.

 

Competência de vendedor

Selecionar um profissional de vendas, buscando as competências necessárias para a profissão, é no mínimo uma grande demonstração de inteligência, de economia de tempo e de otimização dos resultados empresarias serão citadas dez competências e habilidades a serem pesquisadas para identificar se a pessoa tem o perfil de um profissional de vendas:


  • Confiança em si mesmo
  • Ambição
  • Gostar de desafios
  • Pró-atividade (iniciativa)
  • Automotivação
  • Bons relacionamentos
  • Persistência
  • Saber ouvir
  • Persuasão
  • Fazer acontecer (habilidade de vencer)



* Uma pessoa pode até não atingir as dez competências em alto nível. Mas se ela não tiver pelo menos cinco delas em alto nível, é praticamente impossível que ela venha ser um campeão de vendas.

 

Escolha qual das opções mais te agrada para trabalhar com as vendas. Seja no atacado ou no varejo, trabalhando com honestidade e competências necessárias, o sucesso certamente chegará.

Boas Vendas!

  • Compartilhar:

Categoria: , Négocios

Data: 01/04/2019 16:32:48

Autor: Sandra Santos